Portuguese Chinese (Simplified) English French German Italian Japanese Russian Spanish
A Wilson Sons Logística está investindo aproximadamente R$ 1,5 milhão na expansão do Centro de Distribuição (CD) de Santo André, na Grande São Paulo. As obras já foram iniciadas e, dos 36 mil metros quadrados atuais, o centro passará a ter 52 mil metros, enquanto a câmara fria mais que dobrará de capacidade para acomodação de paletes. Na rota. O Centro de Distribuição de Santo André integra a Plataforma Sudeste da Wilson Sons Logística, junto com o EADI, terminal alfandegado operado pela empresa e considerado maior porto seco de São Paulo. As principais cargas movimentadas pela unidade são dos segmentos manufaturado, automotivo, químico, entre outros. A unidade está localizada próximo a importantes elos logísticos, como o Rodoanel, o Porto de Santos e os aeroportos de Guarulhos e Viracopos. Fonte: Estadão
A MRS Logística, com sede em Juiz de Fora (Zona da Mata), encerrou o primeiro trimestre deste ano com lucro líquido ajustado de R$ 88,4 milhões, um crescimento de 15,3% em relação aos mesmos meses de 2017, quando somou R$ 76,7 milhões. O volume de carga geral transportada no período cresceu 13,5%, na mesma comparação, consolidando o melhor resultado para um primeiro trimestre da companhia. O volume de toneladas úteis transportado pela MRS entre janeiro e março somou 34,4 milhões de toneladas, 5,9% menos que em igual período de 2017 (39,8 milhões de toneladas). Por outro lado, ajudada por reajustes tarifários e um mix favorável de produtos, que compensou a queda de volume, a receita líquida da companhia atingiu valor recorde para um primeiro trimestre, somando R$ 820,6 milhões contra R$ 798,3 milhões em igual período de 2017, aumento de 2,8%, no mesmo confronto. No primeiro trimestre, a MRV transportou…
ONE será atendida em todos os portos do Brasil, exceto em Santos (SP), onde a empresa possui agência própria. A Wilson Sons Agência, empresa de agenciamento marítimo do Grupo Wilson Sons, firmou, no último mês de março, um contrato com a Ocean Network Express (ONE), companhia que surgiu da fusão entre MOL, K Line e NYK. De acordo com o diretor executivo da Wilson Sons Agência, Christian Lachmann, a expertise em diversos segmentos e em toda a costa brasileira, a excelência em segurança e o alto padrão de compliance são apenas algumas das características que contribuíram para o acordo. “Nós já prestávamos serviço para a MOL há 101 anos, desde 1917. Sem dúvida, a qualidade da nossa equipe e do nosso atendimento fez a diferença na hora de a nova empresa decidir quem seria a sua agência marítima”, diz Lachmann. A ONE será atendida pela Wilson Sons Agência em todos…
A Prumo Logística registrou um prejuízo líquido de R$ 989 milhões em 2017 após ter registrado resultado negativo também em 2016, de R$ 237 milhões. Segundo a companhia, o desempenho no ano é reflexo das provisões para redução ao valor recuperável de ativo (“impairment”), no valor de R$ 139,3 milhões, além de provisão para perda de depósitos restituíveis, de R$ 66,9 milhões.   As provisões de “impairment” estão relacionadas ao empréstimo concedido à OSX (R$ 10,9 milhões), ante a incerteza do sucesso do plano de recuperação desta empresa; e às quedas nos preços de commodities que causaram retração nas atividades de clientes do porto de Açu (R$ 128,354 milhões).   Já a provisão para depósitos, de R$ 66,9 milhões, é referente a operações de aquisições durante o ano, que, devido aos atrasos em processos de documentação e regularização, foram considerados casos de recebimento remoto.   Entre setembro e dezembro de…
Empresas permanecerão operando de forma independente sob suas marcas; gestão administrativa, contudo, será única A Bandeirantes Logística Integrada concluiu hoje, 15 de março, a aquisição da Deicmar Armazenagem e Distribuição após a análise e aprovação sem restrições pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Segundo o presidente da Bandeirantes, Washington Flores, a companhia sempre foi altamente reconhecida por sua competência operacional e capacidade de venda e buscava mais espaço para continuar crescendo.  “Tínhamos uma demanda reprimida e com muitas novas possibilidades, era preciso ampliar nossa oferta de serviços. Identificamos na Deicmar o parceiro ideal, uma empresa com muito espaço, uma marca forte com uma história de sucesso tão longa e consistente quanto a da Bandeirantes, uma gestão impecável e uma disposição da controladora de sair do negócio.  Foi um encontro perfeito de oportunidade e momento”, diz. De acordo com o comunicado enviado, Bandeirantes e Deicmar permanecem operando sob suas marcas…
A Multilog - empresa catarinense de Logística, Armazenagem e Transporte - concluiu a aquisição das unidades de São Paulo da Elog S/A com investimento de R$90milhões. O contrato de aquisição, aprovado pela Receita Federal e pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE), foi assinado ontem (6/3), em São Paulo (SP) e seguido de comunicação de Fato Relevante pela Elog S/A.   Com a integração das unidades, a Multilog, que tem sede em Itajaí (SC), se consolida como um dos maiores players de logística do país. A nova estrutura no estado de São Paulo intensifica a atuação da empresa no maior polo econômico e industrial do país, amplia de 14 para 19 sites instalados e o número de empregos diretos cresce em 65%, totalizando 1.500 colaboradores.   Djalma Vilela, presidente da Multilog, confirma que o faturamento anual - que em 2017 foi de R$ 350 milhões - tem previsão de crescer…
Com cerca de 85 mil TEU (unidade equivalente a um contêiner de 20 pés) movimentados durante todo o ano passado, a MRS comemora a marca de 1 milhão de toneladas de cargas transportadas em caixas metálicas, um crescimento de 10% em relação ao ano anterior. Para lidar com esse aumento da demanda, a concessionária ferroviária aposta na diversificação de sua frota com soluções logísticas e novos investimentos. “O crescimento no transporte de contêineres no Porto de Santos é de 2% ao ano desde 2014. Só a MRS tem um ritmo de crescimento de 18% ao ano em contêiner. Se a gente pegar 2013 e comparar com o fechamento do ano passado, a gente mais que duplicou o volume de contêiner pensando só Santos. O crescimento é de 220%”, destacou o gerente geral de Negócios de Carga Geral da concessionária, Guilherme Alvisi. Diante do aumento da demanda, surgiu a dificuldade de…
Melhorias foram aplicadas em três pontos e trouxe a redução de 2% de todo o custo operacional do Pátio de Madeira da unidade A Fibria, empresa produtora de celulose de eucalipto a partir de florestas plantadas, investe constantemente na melhoria dos processos de produção de celulose. Com base nisso, o pátio de madeiras da unidade da Fibria, em Jacareí, recebeu um pacote de melhorias que reduziu em 2% todo o custo operacional da área e também conquistou resultados positivos em segurança e estocagem. O mapeamento dos pontos a serem melhorados foi realizado durante um encontro anual de executivos e profissionais de Logística da Fibria. "Identificamos a possibilidade de aprimorar três pontos que resultariam em ganhos significativos a médio prazo. Esses pontos contemplaram a substituição das gruas do pátio, a altitude das pilhas de madeiras e a limpeza dos caminhões. Após um ano, colhemos bons frutos dessa estratégia", diz o especialista…
O Grupo TGA, empresa que fornece soluções para a consolidação de cargas terrestres e marítimas no Brasil e na América Latina, lança o Consolido.com.br, serviço de transporte rodoviário internacional de carga fracionada (Less Than Truck Load) para embarcadores que precisam transportar carga seca para os países do Mercosul, em tempo hábil para a distribuição de seus produtos na região. Trata-se de uma evolução de um serviço de carga fracionada já disponibilizado pela TGA. Agora, porém, a empresa assumiu a gestão de movimentar mais cargas de menos clientes em cada carreta. No Consolido.com.br é possível transportar, com saídas diárias, os itens de até três clientes por carreta, cada um deles ocupando até 1/3 do implemento. Segundo a empresa, a meta com o novo serviço é solucionar as dificuldades que os embarcadores de carga de lotação vêm enfrentando atualmente no modal rodoviário, com a falta de equipamentos para o transporte de seus…
Pagina 1 de 2