Portuguese Chinese (Simplified) English French German Italian Japanese Russian Spanish
Quarta, 04 Novembro 2015 14:36

Obras da Perimetral começam ainda neste ano

Por

Novo trecho da avenida portuária será construído na Avenida Mário Covas, entre o Canal 4 e o Ferry Boat

A construção da nova fase da Avenida Perimetral da Margem Direita do Porto de Santos, entre o Macuco e a Ponta da Praia, será iniciada ainda neste ano. Na semana passada, a Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), estatal que administra o cais santista, assinou o contrato com a construtora Cappellano Ltda., que será responsável pelos trabalhos.

A implantação deste trecho da via custará R$ 72,4 milhões aos cofres da Docas. A fiscalização da obra demandará mais R$ 10 milhões, a serem pagos pela estatal.

A assinatura do contrato com a Cappellano aconteceu mais de seis meses após a conclusão da licitação para a construção da via. Mesmo assim, ainda não foi emitida a ordem de serviço para o início dos trabalhos. Segundo o diretor-presidente da Docas, Angelino Caputo e Oliveira, o começo das atividades depende apenas da conclusão dos procedimentos para a obtenção do licenciamento ambiental do empreendimento.

“O último item que faltava era uma investigação arqueológica, que foi concluída e protocolada no Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), em Brasília, há uns dez dias. Como a investigação não encontrou nada, ficamos confortáveis para assinar o contrato”, destacou o presidente da Codesp.

Em julho, o então ministro dos Portos, Edinho Araújo, garantiu a alocação de R$ 10 milhões, que serão investidos pela Docas na obra. Na ocasião, Caputo informou que esses recursos seriam usados para custear o início dos trabalhos.

“Combinamos com o ministro (dos Portos, Helder Barbalho) na visita dele (ao Porto de Santos, há duas semanas). E ele me autorizou a assinar o contrato sem emitir a ordem de serviço, enquanto ele se informa melhor sobre a disponibilidade e a forma de transferência dos recursos para a Codesp ainda neste ano”, explicou Caputo. Segundo o executivo, os R$ 10 milhões iniciais continuam garantidos.

Detalhes

O projeto deste trecho da Avenida Perimetral do Porto de Santos prevê a revitalização da Avenida Mário Covas (antiga Avenida dos Portuários, onde a via será implantada), em uma extensão de 3,5 quilômetros. Ela ganhará nova pavimentação asfáltica e terá sua iluminação pública remodelada.

O empreendimento ainda envolve a readequação da via interna do cais e a construção de pontilhões rodoferroviários sobre os canais 4, 5 e 6. Também está prevista a reforma de sua ciclovia e a realocação dos ramais ferroviários que percorrem essa região. Atualmente, eles cortam a área interna das instalações da Libra Terminais (T-33, T-35 e T-37), que opera contêineres na região da Ponta da Praia. As linhas serão reinstaladas na área rente aos muros da zona portuária.

Essa nova etapa da Avenida Perimetral deverá melhorar as condições do tráfego de caminhões em direção aos terminais da Ponta da Praia, em Santos. Para evitar problemas como a formação de filas em faixas da via, o projeto prevê a construção de um viaduto de acesso aos terminais marítimos da região.

O equipamento ligará as áreas urbana e portuária, passando sobre a via que será implantada. Uma de suas alças de acesso será erguida no terreno da antiga empresa de transportes Lloydbratti, na Avenida Mário Covas, nas proximidades do Canal 5. Já a outra extremidade do viaduto ficará na área dos terminais de contêineres da Libra.

Fonte: A Tribuna